Política de Aquisição e Coleção

A formação do acervo é feita tomando-se como ponto de partida a bibliografia indicada pelos docentes em cada disciplina dos cursos ministrados na instituição, através de indicações bibliográficas feitas pelas bibliotecárias e comunidade acadêmica em geral. 

Objetivos: 
• Permitir o crescimento racional e equilibrado do acervo nas áreas de atuação da Instituição. 
• Identificar os elementos adequados a formação da coleção 
• Determinar critérios para duplicidade de títulos e exemplares. 
• Estabelecer prioridades de aquisição de material 
• Traçar diretrizes para o descarte de material. 

Critérios para seleção: 
• Adequação do material aos objetivos e níveis educacionais da instituição. 
• Autoridade. 
• Edição atualizada. 
• Qualidade técnica. 
• Escassez de material sobre o assunto no acervo. 
• Língua acessível. 
• Número de usuários potenciais que poderão utilizar o material. 

Fontes:
Apesar de a seleção qualitativa ser de responsabilidade do corpo docente, a descoberta de novos materiais e o monitoramento da demanda dos usuários constitui uma responsabilidade da biblioteca.

• Bibliografias especializadas 
• Catálogos listas e propagandas de editoras e livreiros. 
• Opinião dos usuários 

Responsabilidade pela seleção: 
Estabelecida a parceria bibliotecário e corpo docente, cabe ao conjunto a responsabilidade para a seleção do material. 

Espera-se que os professores contribuam decisivamente para a formação de uma coleção de boa qualidade, visto que estes são conhecedores da literatura nas suas respectivas áreas, e podem assim, selecionar criteriosamente o material a ser adquirido. 

Instrumentos para a seleção: 

• Relatórios estatísticos gerados pelo sistema de gerenciamento da biblioteca. 

Descarte:
• Inadequação; 
• Materiais que não apresentam demanda, é feita uma consulta ao corpo docente; 
• Desatualização; 
• Condições físicas; 
• Duplicatas. 

Doação
Receberá doações de materiais bibliográficos, que será selecionado previamente pela Biblioteca, juntamente com os coordenadores de curso .

As doações de materiais informativos serão aceitos visando: 

• complementar o acervo, mediante a incorporação de materiais relevantes não existentes, ou acréscimo de novos exemplares para atender à demanda; 
• suprir falhas de coleções de periódicos; 
• substituir materiais danificados ou extraviados. 

Critérios para Recebimento do material doado:
• pertinência do Assunto; 
• falhas de coleção ou exemplares extraviados; 
• demanda (acréscimo de novos exemplares);
• autoridade do autor/editor/tradutor//publicador/prefaciador; 
• obras raras ou especiais; 
• atualidade da obra/coleção; 
• edições atualizadas diferentes das existentes na Biblioteca; 
• texto em idioma acessível; 
• valor histórico para a Instituição / área; 
• estado físico de conservação. 

O material selecionado será objeto de incorporação ao acervo da Biblioteca e por conseguinte ao patrimônio da Instituição. Cabe à Biblioteca autonomia para realizar a seleção qualitativa e quantitativa do material bibliográfico doado, podendo incorporar ao acervo, permutar ou doar a outras entidades.